Firmino Filho entregará cartas de crédito para clientes do Banco Popular

Na oportunidade, alunos do projeto Coworking TI Solidário receberão certificados.

Na próxima quarta-feira (25), cerca de 20 clientes do Banco Popular de Teresina devem receber suas cartas de crédito das mãos do prefeito Firmino Filho. A solenidade acontecerá a partir das 8h30, na Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest), onde também fica a sede do banco, já que o mesmo funciona como um departamento da referida secretaria, apoiando pequenos empreendedores locais com a fácil disponibilização de microcrédito.

A entrega destas cartas representará a liberação de aproximadamente R$ 44 mil em financiamentos na linha de capital de giro. Com isso, será possível fortalecer mais ainda o significativo trabalho dos microempreendedores da capital, atuantes em diversos segmentos, como confecções, venda de alimentos, salão de beleza, mercearias e comercialização de bolsas e calçados.

Para o gerente do Banco Popular de Teresina, Michel Sena, realizar uma solenidade de entrega de cartas de crédito é uma forma que o prefeito Firmino Filho utiliza para simbolizar a importância que esses clientes têm. “Sem dúvida os pequenos empreendedores contribuem de forma significativa para a economia local. Então nada mais justo do que destinar um momento como esse para simbolizar o valor que eles têm. O prefeito Firmino Filho já adotou isso como uma estratégia de demonstrar o quanto eles são importantes”, disse.

Michel acrescenta que, somente este ano, a política de microcrédito desenvolvida através do Banco Popular já auxiliou diretamente cerca de 1.160 pequenos empreendedores. No total, foram financiados mais de R$ 2,5 milhões. Esses dados apontam para a importância que ele exerce na abertura de horizontes e de perspectivas em direção à autonomia financeira de muitos microempresários teresinenses.

O Banco Popular de Teresina é responsável por administrar e aplicar os recursos advindos do FUNGER (Fundo de Geração de Emprego e Renda), objetivando contribuir para elevação do nível de renda e postos de trabalho para a população de baixa renda da capital.

Alunos do projeto Coworking TI Solidário receberão certificados

Na mesma oportunidade, o chefe do executivo municipal também deve realizar a entrega dos certificados para a última turma de jovens capacitados na área da Tecnologia da Informação e Comunicação, através do projeto Coworking TI Solidário, que vem sendo desenvolvido com o apoio da Prefeitura de Teresina, em parceria com o Instituto de Jovens Empreendedores Digitais de Teresina (Interaje). Os alunos mostrarão ao prefeito Firmino Filho os produtos digitais criados ao final das capacitações, que se deram nos cursos de Desenvolver Mobile, Programador Ruby On Rails e Design Web.

Segundo o gestor da Semest, Olavo Braz, a oferta desses cursos tem revelado muitos jovens talentosos. “Na primeira turma, finalizada há cerca de três meses, surgiram excelentes projetos. Um deles foi um aplicativo que visa melhorar o serviço de motataxi. Um outro é destinado a otimizar o serviço de doação de sangue na capital. Esses são aplicativos que estamos analisando para aplicá-los na cidade. Isso mostra que o projeto está revelando muitos jovens criativos e talentosos”, destacou o secretário.

Há cerca de duas semanas, cada um dos três cursos iniciou nova turma, contemplando cerca de 40 jovens da capital. As capacitações têm duração de dois meses e acontecem de segunda a sexta-feira, em um espaço na Semest.

Fonte: Assessoria de Comunicação PMT