Semduh aplica R$ 30 milhões em obras de pavimentação em toda Teresina

Obras de pavimentação melhoram infraestrutura e as condições de mobilidade nos bairros

A alta densidade de moradores nos bairros de Teresina exigem mudanças que vão além da ampliação de espaços para a construção de moradia. Obras que facilitam a mobilidade e infraestrutura desses espaços são fundamentais no contexto de qualidade de vida das pessoas e desenvolvimento de cada região. Para isso, a Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), tem executado ações voltadas para a pavimentação de bairros da Capital. A expectativa é que os investimentos para essa área girem em torno de R$ 30 milhões durante este ano.

Entram no calendário de programação de asfaltamento bairros como Buenos Aires, Vale do Gavião, Mocambinho, Satélite, São João, Piçarreira e outros. A cabeleireira Maria Lúcia foi um das que notou a mudança com as obras de pavimentação asfáltica concluídas em sua rua, localizada no bairro Satélite, zona Leste. A empreendedora afirma que não só ela, mas as clientes também comemoram a melhoria trazida pela pavimentação. "O fluxo na rua até aumentou e é mais fácil as clientes transitarem por aqui. Eu gostei demais", constata.

Ainda na zona Leste, as obras de pavimentação também avançam no bairro Vale do Gavião. Ao todo, serão executadas pavimentação em um trecho equivalente a mais de sete quilômetros. As vias contempladas integram regiões com grande demanda populacional com moradias e áreas comerciais.

Já no bairro Piçarreira serão executados em torno de quatro mil metros de asfaltamento. Ruas como Neres dos Santos, Gaivota, Enilson Carvalho, Estados Unidos e Motorista Pedro Rocha são algumas das que serão contempladas com as obras de pavimentação.

"A Prefeitura concluiu importantes obras de asfaltamento nas avenidas e bairros de Teresina. Podemos citar a Avenida Marechal de Castelo Branco, Avenida Miguel Rosa, Petrônio Portela e tantas outras. Hoje, temos uma produção média de 500 toneladas de asfalto por dia na nossa usina e estamos intensificando a melhoria da mobilidade dentro dos bairros, que com o aumento da frota, passaram a receber muito mais veículos e tem essa atenção dentro da nossa programação", explica o secretário da SEMDUH, Marco Antônio Ayres.

Na zona Norte, o bairro Buenos Aires já começou a ser beneficiado pelo asfaltamento. Ao todo, estão sendo investidos R$ 800 mil, oriundos do Orçamento Popular, no asfaltamento em sete ruas do bairro. “A programação de asfaltamento de Teresina tem abraçado diferentes demandas. Estamos trabalhando em bairros com alta demanda populacional, na pavimentação de vias em que circulam ônibus, asfaltando ruas aprovadas pelo Conade por serem prioritárias para pessoas com deficiência, além da operação tapa-buracos, que continua a ser efetivada de maneira intensificada na capital”, explica o coordenador de asfalto da Semduh, Daniel Pereira.

Asfalto na zona Sul pretende extinguir cabeça de jacaré

Principalmente no interior dos bairros, as ruas mais antigas da Capital apresentam um tipo de calçamento que, popularmente, ficou conhecido como cabeça de jacaré. Na zona Sul de Teresina, bairros como Itararé, Saci e Promorar, passarão por uma grande intervenção de pavimentação asfáltica, que visa dar fim ao tipo de calçamento irregular.

Ao todo, será pavimentada uma área equivalente a cerca de 100 quilômetros de via entre os três bairros. A obra está em processo de licitação e contará com um investimento mais que R$ 9 milhões.

"Isso representa melhoria na qualidade de vida das pessoas. Temos uma grande quantidade de calçamento do tipo cabeça de jacaré na cidade e trocar pelo asfalto é uma demanda justa da população. O asfalto permite um melhor trânsito não apenas de veículos, mas que as pessoas possam andar sem transtorno, e permite que os nossos cadeirantes e pessoas que possuem algum tipo de deficiência possam transitar sem problemas", destaca o coordenador de asfalto da Semduh, Daniel Oliveira.

A ação da Prefeitura segue o que já foi realizado em outros bairros da Capital, como Água Mineral, Mocambinho e Tancredo Neves, que foram totalmente pavimentados dando fim ao calçamento irregular. ”Essa obra contará com pavimentação, serviços de sinalização e temos certeza que mudança na mobilidade urbana de milhares de pessoas que tem nesses bairros um fluxo constate de passagem”, finaliza Daniel Pereira. 

Fonte: AsComPMT