Oficina atualiza diagnóstico de cadeias produtivas na Serra da Capivara

Oficina atualiza diagnóstico de cadeias produtivas no Território Serra da Capivara

A Construção de uma agenda para dinamizar os arranjos produtivos no território Serra da Capivara está sendo tema de oficinas coordenada pela Secretaria de Planejamento do Estado (Seplan) nos municípios de Anísio de Abreu e São João do Piauí. O evento visa apresentar e validar diagnósticos dos principais APLs, onde estão localizados os municípios.

Do primeiro dia de oficina, realizado em São Raimundo Nonato, participaram cerca de 60 pessoas entre representantes dos conselhos municipais de desenvolvimento; representantes das Prefeituras; Universidades e Institutos Federais; associações e cooperativas de Produtores; Conselho Territorial; Nedets; ONGs de atuação local; Escritórios Municipais do Emater, Escritório do Viva o semiárido, Cáritas, Dom Helder, Emater, BNB, Sebrae, Cootapi.

De acordo com a Superintendente de Planejamento Estratégico da Seplan, Rejane Tavares, as oficinas objetivam um trabalho bem direcionado e objetivo, voltado de ações que possam ser de fato realizadas durante os próximos anos na estrutura dos projetos existentes dentro do Estado. “O debate foi bastante produtivo, todas as ações bastante amarradas e detalhadas e houve o diagnóstico da situação dessas cadeias produtivas no território”, analisa ela.

Rejane também avalia como positiva o grande número de participantes nos dois dias de evento: “A oficina foi muito boa. Teve uma grande representatividade, técnicos de um bom nível: estavam presentes a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), o Instituto Federal do Piauí (IFPI) e a Universidade Estadual do Piauí (Uespi) e houve uma contribuição muito grande desses profissionais pra melhorar a qualidade técnica da elaboração das ações e nas outras cadeia como a apicultura e ovinocaprino, houve uma grande participação das ONG locais, como a Cáritas e as cooperativas de pequenos agricultores da região, e como também o escritório da Emater esteve presente, técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Rural, do programa Viva Semiárido e representantes de agricultores e apicultores” diz ela.

Em Anísio de Abreu a oficina foi realizada no prédio da Universidade Aberta do Brasil (UAB) e em São João do Piauí, no Centro Cultural do município.

Fonte: Portal O Dia