Coleta domiciliar recolhe 176 mil toneladas de lixo doméstico

Ainda estão distribuídos 35 Pontos de Recebimento de Resíduos

Teresina possui uma coleta de lixo domiciliar regular que atende 94% do município. No período de janeiro a novembro deste ano, foram recolhidas 176 mil toneladas de lixo domiciliar na capital. Além disso, ainda estão distribuídos 35 Pontos de Recebimento de Resíduos (PRRs) por toda a cidade, capazes de receber o chamado lixo seco, que são resultados de capina, objetos velhos e demais utensílios que necessitem ser descartados em pequenas quantidades.

De acordo com a coordenadora de Limpeza Pública da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), Lílian Guimarães, a coleta domiciliar é realizada de segunda a sábado, em dias alternados, de forma que contemple toda a cidade. 

"Os caminhões realizam a coleta em cada zona da cidade em períodos pre-estabelecidos. É interessante que a população observe o horário e o dia da passagem do veículo e disponibilize seus resíduos com poucas horas de antecedência, evitando, assim, a ação de animais que podem espalhá-los e causar a proliferação de doenças. A gestão dos resíduos é uma responsabilidade compartilhada, que precisa da intervenção do município, mas também a contribuição de toda a população", ressalta Lílian Guimarães.

Caso haja alguma intercorrência e a coleta não seja realizada, o morador deve entrar em contato com a Semduh, presencialmente ou por telefone (3221-7050), e buscar a Coordenação de Limpeza Pública (Celimp). Ao todo, a equipe de limpeza pública de Teresina conta com mais de 1200 colaboradores. Para a coleta domiciliar são utilizados 30 carros.

Outro canal de relacionamento com a população é o aplicativo Colab.re. Por meio dele, pode-se enviar, por exemplo, fotos e denúncias de potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti, limpeza urbana e buracos em vias. A ferramenta tem como objetivo incentivar a participação da comunidade nas resoluções dos problemas urbanos.

Fonte: AsCom