Municípios recebem veículos para atenção básica

Ao todo serão 39 veículos entregues até o final do mês

Diversos municípios receberam, nesta quinta-feira (18), do governador do Estado do Piauí, Wellington Dias e do secretario de Estado da Saúde, Florentino Neto, veículos para a atenção básica. Nesta primeira etapa, foram 16 cidades contempladas. Os veículos são do tipo van e comportam até 17 passageiros, que foram adquiridos por emenda parlamentar do deputado federal Júlio César e serão destinados para o transporte dos profissionais e pacientes da atenção básica dos municípios. 

Para Wellington Dias, “essa iniciativa vem trazer solução para um problema antigo de alguns municípios. Algumas pessoas precisam de tratamento contínuo na capital, quer requer transporte contínuo. Isso para a família significa um impacto muito grande na renda. Já entregamos a primeira parte, e iremos entregar para mais municípios em outras etapas e quem ganha é a população, com uma saúde mais humanizada”. 

Ao todo, serão entregues 39 veículos com valor investido de R$ 7,4 milhões. A previsão é que até o final do mês todos as vans sejam entregues. 

“Com isso, iremos aproximar os profissionais da equipe da saúde da família dos pacientes, como também aproximar os pacientes da atenção especializada”, disse Florentino Neto. 

A primeira etapa contemplou os municípios de Acauã, Eliseu Martins, Caridade do Piauí, Simões, Piracuruca, São José do Piauí, Água Branca, Jaicós, Assunção do Piauí, Cocal, União, Alto Longá, Caldeirão Grande do Piauí, Santo Antônio dos Milagres, Francisco Santos, Rio Grande do Piauí e Conceição do Canindé.

O prefeito de Água Branca, Jonas Moura, comemorou a iniciativa. “Temos uma boa resolutividade no município, mas sempre há casos em que precisamos mandar pacientes para serem atendidos por certas especialidades para a capital. Essa van vai dar além do conforto, possibilitar transportar mais pessoa. Com toda a certeza irá ajudar muito o município e a população, que é esse o grande objetivo, melhorar a qualidade de vida das pessoas", declarou.

Fonte: Denise Nascimento