Coleta Seletiva: Descarte de recicláveis pode ser feito em 21 pontos em Teresina

A Coleta Seletiva é uma das estratégias implantadas pela Prefeitura de Teresina, desde 2014, e não deve ser interrompida com a pandemia. Mesmo durante este período, o teresinense pode colaborar com a disposição correta de recicláveis realizando o descarte em um dos 21 Pontos de Entrega Voluntária de Resíduos Recicláveis (Pevs) distribuídos pela capital.

A Coleta Seletiva garante a correta destinação e aproveitamento sustentável de resíduos como plástico, metal, papel e vidro, bem como beneficia famílias que obtêm sua renda por meio da venda desses materiais, que são doados pelo município.

“Com o isolamento social as pessoas estão passando mais tempo em casa e isso possibilita uma maior chance de pensarem e agirem de forma sustentável. É uma sistemática simples, basta separar o resíduo orgânico em uma sacola, que será colocada na porta da residência e recolhida pela coleta domiciliar, e os recicláveis em outra, para posterior descarte nos Pevs. A pessoa pode passar o mês inteiro juntando o que for reciclável e quando for realizar alguma saída essencial, uma ida ao supermercado, por exemplo, passar em um dos Pevs e descartar”, explica o secretário executivo Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Vicente Moreira.

O gestor ainda pontua a importância de dispor os resíduos já limpos, como forma de evitar mau cheiro, atrair vetores e dificultar a triagem desses materiais. “A higienização é básica para retirar restos de produtos ou alimentos que permaneçam nas embalagens. Neste momento em que as idas aos Pevs acontecem de forma menos regular, guardar os itens sujos com restos de alimentos, por exemplo, irá gerar desconforto para os moradores. Além disso, recebemos os materiais e destinamos para uma cooperativa de catadores, esse cuidado na higienização básica auxilia no processo de triagem deles”, destaca.

Atualmente, os recicláveis recolhidos pela administração municipal são doados para o Movimento Emaús Trapeiros de Teresina, que realiza a triagem, enfardamento e venda dos materiais. Assim, os resíduos são transformados em fonte de renda para o sustento de 16 famílias. Para informações sobre quais materiais podem ser dispostos nos Pevs e a localização de cada um deles, acesse: https://semduh.teresina.pi.gov.br/121-2/

Fonte: Ascom/Semduh