SEMAM inicia ação para distribuir quase 100 mil mudas para população

Quase cem mil mudas de árvores serão distribuídas a população 

Quase cem mil mudas de árvores nativas, frutíferas, ornamentais e exóticas já estão prontas para serem distribuídas a população. Essa será uma das ações prioritárias da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Recursos Hídricos em parceria com as Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDU) dentro do plano de gestão ambiental que está sendo elaborado e desenvolvido pela SEMAM.

Em Teresina, existem dois viveiros de plantas sob responsabilidade das SDU´s em parceria com a secretaria. Um na Zona Leste, próximo a ponte da Primavera, e um na Zona Norte, no Jardim Botânico do Mocambinho.

“É feito um cadastro, por pessoa, com comprovante de endereço. Cada um tem direito a levar até 10 mudas da sua preferência. Além disso, fazemos também um trabalho junto a SEMAM de compensação ambiental, como essa parceria que foi firmada junto a Equatorial para doação de 300 mudas para substituir as árvores que caíram recentemente”, explicou José Ribamar, coordenador do viveiro de mudas.

As mudas estão sendo entregues de forma gratuita a quem se interessar. Esse é um trabalho muito importante para o Meio Ambiente, principalmente nesse período do ano.

EMAM elabora Plano Diretor de Arborização Urbana para Teresina

Como ação conjunta a campanha de conscientização e distribuição das mudas, a Gerência de Planejamento da SEMAM também está elaborando o Plano Diretor de Arborização Urbana (PDAU) para Teresina. A proposta do plano será mapear e estabelecer as ações que serão desenvolvidas para ampliar a arborização urbana como infraestrutura verde, prestando diversos serviços ambientais para a cidade e sua população.

“Essa é uma das prioridades da Secretária agora. O PDAU será concebido para ser um instrumento de planejamento municipal, fixando os conceitos, as diretrizes, as normas, e as tipologias necessárias para orientar a política de plantio, preservação, manejo e expansão da arborização urbana em toda a extensão do município”, destacou Jocélia Mayra, engenheira agrônoma da Gerência de Planejamento da SEMAM.

Fonte: Ascom / SEMAM